A ONTOLOGIA DA CONSCIÊNCIA E SUAS CARACTERÍSTICAS SOB A ÓTICA DO NATURALISMO BIOLÓGICO

André Renan Noara

Resumo


Resumo

O presente estudo tem por objetivo elaborar uma análise referente ao modo com o qual o filósofo americano John Rogers Searle (1932) concebe e define os fenômenos conscientes. Para tanto, será feito uso de duas obras consideradas fundamentais: A Redescoberta da Mente (1997) e O Mistério da Consciência (1998). A metodologia se dará da seguinte forma: primeiramente será investigado os argumentos em prol da irredutibilidade ontológica. Posteriormente será analisada a definição de consciência em Searle. Por fim será analisado as características da consciência. Acredita-se que o presente estudo trará para o leitor uma interessante compreensão do naturalismo biológico.


Palavras-chave


Cérebro; Emergente; Mente; Subjetivo; Objetivo;

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Universidade Estadual do Ceará - UECE

Centro de Humanidades - CH

Curso de Graduação em Filosofia                                   

Occursus - Revista de Filosofia

ISSN: 2526-3676

Qualis B3


APOIO: