OS FESTIVAIS INTERNACIONAIS DA CANÇÃO (1966-1972): DE ATRAÇÃO TURÍSTISCA À VITRINE DA INDÚSTRIA FONOGRÁFICA BRASILEIRA

Thiago Rafael de Souza, Juliane Roberta Santos Moreira, Tayná Gruber

Resumo


Realizados na cidade do Rio de Janeiro entre os anos de 1966 e 1972, os Festivais Internacionais da Canção (FIC) consistiam em um concurso de músicas nacionais e internacionais com o objetivo de apresentar novos artistas, músicas, compositores, conjuntos musicais, estilos e ritmos, que acabavam por alimentar a indústria cultural que se consolidava no período, assim como, o cenário da Música Popular Brasileira que estava em ascensão. Este artigo tem por intento fazer uma breve análise da fase nacional das sete edições do Festival, analisando-o não apenas sob a ótica de um atrativo turístico da “cidade maravilhosa”, mas como um evento vitrine, ao servir como local de teste para o lançamento de novos produtos da indústria fonográfica brasileira.

PALAVRAS-CHAVE: Indústria Cultural. Música Popular Brasileira. Festival Internacional da Canção.

 

THE FESTIVAIS INTERNACIONAIS DA CANÇÃO (1966-1972): OF TOURIST ATTACTION TO THE WINDOW OF THE BRAZILIAN PHONOGRAPHIC INDUSTRY

ABSTRACT

Performed in the city of Rio de Janeiro between 1966 and 1972, the Festival Internacional da Canção was a competition of national and international songs, whose strategy is to released new artists, musics, composers and bands group, genres, styles and rhythms, fueling the cultural industry, that was consolidated in a period of the success of brazilian popular music. Therefore, this article porpose a shot analysis of the brazilian phase of the seven editions of the Festival Internacional da Canção, not as a tourist attraction of the “cidade maravilhosa” – idea for which the concept was conceived, but as an event and test for the released of new product of the brazilian music industry.

KEY WORDS:  Cultural Industry, brazilian popular music, Festival Internacional da Canção.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Thiago Rafael de Souza, Juliane Roberta Santos Moreira, Tayná Gruber

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

ISSN: 2357-8556



INDEXADORES:

   

 

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.