CONSERVADORES PARTIDOS: AS COMPOSIÇÕES POLÍTICAS DO PARTIDO CONSERVADOR EM AÇU, NO RIO GRANDE DO NORTE (1876 -1884)

Cecil Vinicius Olivar Oliveira Guerra

Resumo


O objetivo do trabalho é analisar as disputas no seio do Partido Conservador, em Açu, a partir da trajetória do jornalista Elias Souto. A meta é, por um lado, identificar as redes de sociabilidade presentes no Partido Conservador; e, por outro, analisar como essas redes foram mobilizadas por dois grupos que disputavam o comando local do Partido. O estudo está ancorado teoricamente nos conceitos de cultura política (BERSTEIN, 1998) e de ação (SOUZA, 2008), bem como no método indiciário (GINZBURG, 1989). As principais fontes consultadas foram os jornais Brado Conservador e o Jornal de Açu. A partir da análise do comportamento dos membros do partido, o estudo concluiu, por um lado, que o Partido Conservador não constituía um bloco homogêneo; e, por outro, que as disputas políticas dentro do Partido eram expressões de uma cultura política mais ampla existente na sociedade, o que explica as estratégias de luta adotadas pelos grupos a partir dos mecanismos disposto no próprio cotidiano. 

PALAVRAS-CHAVE: Cultura Política; Partido Conservador no Império; Poder local no Império.

BROKEN CONSERVATIVES: THE POLITICAL ARRANGEMENT OF THE CONSERVATIVE PARTY IN AÇU, RIO GRANDE DO NORTE (1876-1884)

ABSTRACT

The objective of this paper is to analyze the disputes within the Conservative Party in Açu, based on the trajectory of the journalist Elias Souto. The goal is, on the one hand, to identify the networks of sociability present in the Conservative Party; and on the other hand to analyze how these networks were mobilized by two groups that disputed the local command of the Party. The study is anchored theoretically in the concepts of political culture (BERSTEIN, 1998) and action (SOUZA, 2008), as well as in the indicial method (GINZBURG, 1989). The main sources consulted were the newspapers Brado Conservador and Jornal de Açu. From the analysis of the party members' behavior, the study concluded, on the one hand, that the Conservative Party did not constitute a homogeneous bloc; and on the other, that political disputes within the Party were expressions of a broader political culture existing in society, which explains the strategies of struggle adopted by the groups from the mechanisms disposed in their daily lives.

KEY WORDS: Political Culture; Conservative Party in the Empire; Local power in the Empire.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Cecil Vinicius Olivar Oliveira Guerra

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

ISSN: 2357-8556



INDEXADORES:

   

 

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.