PERSPECTIVAS DO PLANEJAMENTO URBANO EM PEQUENAS CIDADES: RIO DE CONTAS, UM CONTEXTO PARA REFLEXÃO

Janio Santos, Alexandre Custódio de Jesus Dias

Resumo


Entender o planejamento urbano, no sentido de refletir sobre como o mesmo é pensado para pequenas cidades, focado no caso de Rio de Contas, na Bahia, é o foco deste texto. A metodologia centrou-se, por um lado, no debate sobre as contradições do processo de produção do espaço; por outro, em leituras sobre o tema, pesquisa documental e trabalhos de campo (entrevistas, mapeamento de informações in locus e observações sistemáticas). Nota-se que o espaço urbano e, concomitantemente, o processo de urbanização estão em constante transformação, sempre assumindo novas características, de acordo com as relações que estabelecem no tempo. Como é pensado, o planejamento na cidade pequena engendra ao espaço urbano uma série de problemas, que alteram o cotidiano dos moradores e maximizam conflitos já existentes, sobretudo nas áreas menos favorecidas. As deficiências técnicas e administrativas na condução das questões urbanas na pequena cidade, por outro lado, também impedem que haja, de fato, um planejamento eficiente e que seja crítico o suficiente para promover mudanças positivas da condição de parcela maior da população.


Texto completo:

PDF () PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



 

 

 

Revista GeoUECE
ISSN online: 2315-028X

  Locations of visitors to this page

visitas