CONDICIONANTES DA INSTITUCIONALIZAÇÃO DE UNIDADES REGIONAIS NO BRASIL

Cleverson Alexsander Reolon, Vitor Koiti Miyazaki

Resumo


O objetivo deste artigo é analisar os aspectos condicionantes da institucionalização de unidades regionais no Brasil, tomando-se por base a análise das propostas que contemplam os municípios situados na Mesorregião Oeste Paranaense. As unidades regionais mencionadas são aquelas referidas na Constituição brasileira, tratando-se das regiões metropolitanas, aglomerações urbanas e microrregiões. Neste caso, as funções públicas de interesse comum deveriam orientar a institucionalização de unidades regionais, mas, no Brasil, verifica-se que as motivações estão repletas de interesses corporativos e político-partidários, resultando, dentre outras coisas, num desajuste entre a espacialidade das regiões administrativas propostas e a espacialidade das áreas constituídas por municípios que compartilham problemas metropolitanos.


Palavras-chave


Aglomeração urbana; Instituição de unidades regionais; Políticas de desenvolvimento regional

Texto completo:

pdf

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



 

 

 

Revista GeoUECE
ISSN online: 2315-028X

  Locations of visitors to this page

visitas