Um estudo socioterritorial sobre as Políticas Públicas de cultura para a Juventude em Fortaleza

Rachel Facundo Vasconcelos

Resumo


Este artigo consiste em analisar e compreender como se deu, a partir da criação de um Centro Urbano de Cultura Ciência, Arte Esporte-Cuca Barra, construído na periferia leste de Fortaleza, a efetivação de uma política pública de cultura voltada para a juventude. Alocado na Barra do Ceará, o bairro tem o maior número de jovens na cidade. Esse equipamento configura-se como uma forma de garantir o direito à cidade para a sua população, por meio do acesso e da difusão da cultura para os jovens fortalezenses, pois a juventude na capital cearense constitui parcela relevante de sua população. Durante muitos anos, as políticas públicas de cultura foram negligenciadas, principalmente aquelas voltadas para os mais pobres, que se encontravam em situação de risco ou de vulnerabilidade social. Portanto, não tinham um local, onde pudessem ter uma formação, além da proporcionada pelas escolas regulares.


Palavras-chave


Política Pública, Cultura, Juventude

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


O público e o privado - Revista do PPG em Sociologia da Universidade Estadual do Ceará - UECE