Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e participação social: descentralização e controle social são a resposta?

Douglas Marques, Everton Rodrigo Santos

Resumo


O presente artigo busca avaliar a experiência do controle social do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), no município de Novo Hamburgo, no Rio estado do Grande do Sul. A partir do nosso quadro teórico que incorpora os conceitos de vertente societal (DE PAULA, 2005; 2008) e de subcidadania (SOUZA, 2003; 2012), vergados sobre o caso empírico do SUAS local, procuramos explicar o cenário da baixa participação social no Estado. Nossa hipótese de trabalho sugere que a participação social carrega traços históricos marcados ora pela invisibilidade da desigualdade social, ora pela naturalização das condições de vida do sujeito, ensejando uma cidadania ralé. A metodologia utilizada foi pesquisa quantitativa, probabilística, tipo Survey, sendo aplicados 63 questionários, com questões fechadas aos usuários do SUAS do município de Novo Hamburgo. 


Palavras-chave


Administração Pública Societal. Participação Social. Controle Social. Sistema Único de Assistência Social.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


O público e o privado - Revista do PPG em Sociologia da Universidade Estadual do Ceará - UECE