Agosto feminista em Brasília: Margaridas, indígenas e parlamentares afirmando direitos de mulheres

Gabriela Maria Farias Falcão de Almeida

Resumo


O texto faz uma abordagem jornalística de três momentos de luta e resistência das mulheres na capital brasileira entre os dias 09 e 15 de agosto de 2019: a 1ª Marcha das Mulheres Indígenas, a 6ª Marcha das Margaridas e o lançamento da Frente Parlamentar Feminista Antirracista com Participação Popular, no Congresso Nacional. São momentos de grande efervescência na luta das mulheres no país e reverberam ao longo do tempo. Por meio de entrevistas com participantes, a autora vai construindo a narrativa do que representou essa semana para luta dos movimentos sociais e, em específico, feminista. Tratam-se de momentos importantes também para quem estuda temáticas ligadas aos movimentos sociais e ações coletivas.

Palavras-chave


Feminismo; Ação coletiva; Movimentos sociais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


O público e o privado - Revista do PPG em Sociologia da Universidade Estadual do Ceará - UECE